Sr. Rocha da Internet @ 09:36

Sab, 20/02/10

Vivemos num tempo (foda-se, pareço o Eça de Queiroz e o caralho) em que as pessoas defendem o terrorismo partindo da ideia peregrina que o seu relacionamento com o terrorista garante a existência de um carácter. É muita emoção no ar.

 

Porém, eu não me fico. Também eu conheço um anónimo que todos queriam saber quem é - o Zorro. Ah ah ah! E agora? Ah pois é, bebé! Eu sou amigo do Zorro. E posso garantir aqui em primeira mão que já almocei com ele várias vezes. É uma pessoa pacata e simpática com 3 netos e 2 gatos, gosta de tomar chá de jasmim e masca tabaco californiano.

 

Estou também em plenas condições de assegurar que o Zorro é um homem que sente, que tem emoções, que ama as flores e os frutos; um homem que sofre como todos os portugueses e também com eles, e que olha o mar nas tardes soalheiras de Junho.

 

Bem sei que vocês pensavam que o Zorro eram mais de 10 pessoas, mas isso é do rapé que andais a cheirar, seus amantes de teatro francês. O Zorro é só um. Eu juro pela minha rica saúde que consigo reconhecer todos os seus traços quando se move no seu fato preto e mascarilha. É absolutamente mentira que não exista uma pessoa chamada Zorro.

 

Vou dizer muitas vezes até acreditarem: O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe; O Zorro existe.

 

O inimigo do Zorro faz cocó nas calças.

 



De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Whatever happened to the bright ones
Pesquisar
 
Tags

todas as tags

subscrever feeds