Sr. Rocha da Internet @ 13:14

Qui, 17/12/09

Caras portuguesas,

 

caros portugueses,

 

Vivemos nas primeiras horas do dia de hoje um abalo. O governo, consciente das dificuldades dos portugueses, tomou a iniciativa de promover este sismo que é um dos mais modernos e um dos mais badalados do seu género e do seu tempo. 

Temos ouvido algumas vozes, ao longo da manhã, que vêm com um espírito negativo criticar esta medida que nos parece da mais elementar relevância.

O governo português condena esta conduta anti-democrática e anti-patriótica desse bota-abaixismo a que os nossos adversários - os cidadãos - já nos têm habituado. E respondendo às críticas de alguns, de que este sismo provocou danos irreversíveis, devo dizer que todas as consequências negativas deste sismo têm origem internacional e o governo vai garantir a abertura de mais linhas de crédito para que que todos aqueles que foram prejudicados possam ter acesso aos benefícios deste magnífico abalo.

Eu ainda sou de uma geração em que a economia estagnava, o país estava miserável e não havia nenhum abalo para distrair os portugueses das suas prioridades. E é por isso que nos parece fundamental um sismo neste preciso momento de crise em que só temos feito disparate atrás de disparate.

Não posso deixar de mencionar a coragem necessária, em plena cimeira de Copenhaga (nem sabia escrever isto), para provocar um sismo, avançando Portugal para o mar e mostrando que estamos no caminho certo para o desaparecimento total. O PS vai afundar este barco antes de todos os seus pares europeus.

 

Muito obrigado a todos.



De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Whatever happened to the bright ones
Pesquisar
 
Tags

todas as tags

subscrever feeds