Aurea Mediocritas @ 13:24

Qua, 10/02/10

 

 

Onde se lê "o primeiro ministro insistiu na necessidade de dar confiança, através de um esforço que deve ser feito desde já "para que o défice português e a dívida sejam controladas, mas permitindo que o estímulo à economia e ao emprego continuem", leia-se "pretendo correr em duas direcções opostas simultaneamente, na certeza que isso é a atitude correcta para não me chatearem mais com esta merda do Orçamento."



Ana P. de Faria @ 19:17

Dom, 21/02/10

 

Há coisas fantásticas...não há?! Muito bom!

Whatever happened to the bright ones
Twitter
Pesquisar
 
Tags

todas as tags