Sr. Rocha da Internet @ 13:53

Qua, 09/12/09

 

Certamente estarão todos recordados da grande causa "libertem a empregada daquela cujo nome não dizemos porque isso geraria um movimento de ódio" feito pelo saudoso Erecções 2009 - um blog que tinha estilo ao contrário deste que parece um saco de merda. Essa causa parecia estar morta.

Mas, eis senão quando vemos que não caiu em saco roto. A famosa jornalista causídica Fernanda Câncio, cujo blog não podemos linkar correndo o risco de sermos acusados de ter problemas sexuais - e eu não ando a gastar rios de dinheiro em certas prestações de serviços para ouvir este tipo de merdas de indivíduos que nem sequer têm uma coluna no jornal da aldeia -, pegou naquele nosso sentimento de injustiça e abriu um universo que nós não poderíamos ambicionar, o universo de todas as empregadas domésticas.

Só uma pessoa com a magnitude e relevância social (bolds meus)  da Dra. Fernanda Câncio tem a possibilidade - e por que não a capacidade - de assumir este papel na luta pelos direitos das classes oprimidas.

Libertem as "mulheres a contrato de serviço doméstico" (é assim que devemos dizer agora). Principalmente as "mulheres a contrato de serviço doméstico de etnia africana". Mulheres a dias é um termo redutor, empregada doméstica também, até porque dá ares de que há alguém que emprega e alguém que é empregado - um escândalo.

Vamos acabar com estas manias burguesas da serventia e relançar para o debate público temas burgueses realmente importantes como a emancipação até à libertação das "mulheres a contrato de serviço doméstico".

Teremos muito que agradecer ao génio altruísta de Fernanda Câncio. As moscas nunca se esquecerão deste momento único na História de Portugal.

 

!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! e !



fcl @ 15:22

Qua, 09/12/09

 

ganda bosta de posta!


Aurea Mediocritas @ 15:23

Qua, 09/12/09

 

Olha, outro inimigo das Contratadas a Serviços Domésticos!


Sr. Rocha da Internet @ 15:37

Qua, 09/12/09

 

este estava à espera de encontrar qualidade aqui.


drmaybe @ 15:44

Qua, 09/12/09

 

abordas aqui questões especificas que convêm analisar:
1- o que queres dizer com "anais da historia"?
2- les bourgeois sont des gros cochons - é absolutamente verdade, uns mais do que outros e eu prefiro os "mais"
3- eu não conheço ninguém que não tenha empregada doméstica, incluindo a minha.

fernando antolin @ 16:45

Qua, 09/12/09

 

Ó merda, ofereço-me para homem a dias de quem quiser e farei um inside undercover story da situação. Já agora podiam mudar o nome disto,na saudosa tradição do Erecções 2009, para Priapismos 2010.

Gosto tanto de vocês. Beijos muitos.

Miss Caldas @ 18:02

Qua, 09/12/09

 

A maior mais valia de uma mulher-a-dias, não está na limpeza da casa.

Todos sabemos que basta 2 dias sem empregada para qualquer casal se pegar como cão e gato.

Assim, acima de tudo estamos a falar de Proto-terapeutas-familiares.

E que não percebe isto é burro.


Aurea Mediocritas @ 19:26

Qua, 09/12/09

 

Olhe,

A Mana agora foi lapidar.

Miss Caldas @ 21:00

Qua, 09/12/09

 

Desde que vi o 2001 que estou assim...


custodioserodio @ 12:04

Qui, 10/12/09

 

Tenho uma mulher a contrato de serviço doméstico de etnia minhota. Ganha à hora o mesmo que eu. Na véspera da minha lua de mel, uns amigos contrataram uma mulher a contrato de serviço doméstico de etnia duvidosa que, como a mandei logo embora, ganhou mais em dois minutos do que eu ganho em três dias de trabalho. Tirando isso, não percebi em defesa de quem era a causa? Da Fernanda Câncio? Tirando isso, gostei muito dos !!!.

capitão haddock @ 20:53

Qui, 10/12/09

 

acabou-se-me a loiça limpa, caralho.

Whatever happened to the bright ones
Twitter
Pesquisar
 
Tags

todas as tags